quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

terça-feira, 12 de novembro de 2013

sábado, 2 de novembro de 2013

Após um longo tempo mais
algumas novas fotos para os fãs.











segunda-feira, 14 de outubro de 2013

sábado, 28 de setembro de 2013

domingo, 22 de setembro de 2013

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Últimas brincadeiras da gatacasadaquerver no skype.



O resultado da brincadeira.




domingo, 1 de setembro de 2013

sábado, 31 de agosto de 2013

terça-feira, 27 de agosto de 2013


Gata amiga querendo novas experiências.

(Casal Novinho)

autorizado a colocar



Essa indiazinha deliciosa vai comprar um computador
e está muito interessada em novas experiências.
O marido dela está também ansioso para vê-la em ação.
Todos nós torcemos por isso.
A começar por mim o marido da gatacasadaquerver.




segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Fantasia de um Voyeur com a gatacasadaquerver.

Certo dia estava no ônibus, chegando do serviço, quando observei uma mulher com uma bunda deliciosa em pé. Ela ia saltar no mesmo ponto que eu. Acostumado, como todos os homens, a observar a bunda das mulheres, fiquei surpreso porque aquela em especial me chamou a atenção. Meu pau endureceu na hora e senti que a cabecinha estava arregaçando dentro da cueca, o que era sinal de tesão a primeira vista.
Ela desceu no ponto e eu desci atras. Vi­ então que se tratava de uma vizinha, moradora no meu prédio. Nunca tinha conversado com ela. Tinha visto numa reunião de condomínio, e só. Cheguei em casa pensando nela, e fui direto para o banheiro bater uma punheta imaginando o cheiro daquela linda bunda. Esporrei fartamente. A partir desse dia fiquei imaginando como é que poderia conversar com ela. Precisava achar um pretexto qualquer. Ela me parecia extremamente séria, e eu teria que bolar um jeito de mostrar para ela que sentia tesão e a desejava nas minhas punhetas.
Um domingo comprei o jornal e fui ler na piscina do prédio. La estava ela tomando sol, com um biquíni tesudíssimo. Seria a oportunidade? Puxei papo, e ficamos conversando amenidades. Meu caralho duro, e eu não sabia como mostrar. Poderia pensar que eu era um tarado, e aí... Num determinado momento, ela me falou que pretendia reformar o banheiro de seu apartamento. Falei para ela que o meu estava reformado, e que se ela quisesse, poderia mostrar para ela.
Subimos para o meu apartamento. Meu caralho duro, cabeça arregaçada. Mostrei o banheiro, a cozinha e fomos ver a vista da janela do quarto. Em determinado momento fiquei bem pertinho dela, vendo a paisagem da janela. O seu cheiro era muito excitante. De bermuda e sem cueca, arrisquei encostar o caralho em sua perna, e ela pareceu aceitar a encostada. Cheirei mais o pescocinho dela, e peguei no seu quadril. Ela encostou em mim e suspirou. A partir dai declarei meu tesão, falei que batia punheta para ela, que esporrava muito sem ela sequer imaginar, e que tinha enorme desejo pela sua bunda. Sentamos no sofá, e puxei o sutiã do biquíni. Surpresa! Um par de bicos rosados sai ante meus olhos! Tetas maravilhosas, capazes de fazer qualquer homem querer mamar nelas! Meu pau ja estava de fora. Ela pegou, acariciou, punhetou com habilidade e acabei esporrando ali mesmo, no nosso primeiro encontro, esguichando o leite masculino do amor. Lambi sua bunda, mamei nas suas tetas, cheirei seu delicioso corpo sem acreditar que aquilo estava acontecendo. Eu não acreditava no que estava acontecendo, eu pelado, de pau duro, me exibindo gostosamente e esporrando na frente da mulher que me inspirou tantas e tantas punhetas...
Depois desse encontro ficamos juntos algumas vezes, sempre acabando tudo em esporra e gozada. Comprei uma tanguinha de presente para ela, daquelas que a gente fica doido para tirar e cheirar o fundinho. Ela usou e me devolveu para eu usar nas minhas punhetas, com o fundinho manchadinho de xixi e meladinho de xoxota.
Vou revelar como foi nossa sessão exclusiva de chupada na xoxota. Ela estava depilada e me disse se eu não gostaria de chupar sua "xaninha". Disse que adoraria. Lábios rosadinhos, grelinho lindo, buraquinho bem arregaçado, toda meladinha. Ela tirou a tanguinha e pude ver, cheirar e lamber sua xaninha deliciosa. Comecei chupar sua deliciosa bucetinha e me lambuzar de líquidos vaginais até ela começar a gozar na minha boca e a se contorcer e gemer loucamente. Ela gemia alto, gritava e eu estava imaginando meus vizinhos se masturbando secretamente ouvindo nossa escandalosa chupada. Seus líquidos vaginais me lambuzavam e excitavam cada vez mais.
Depois de muitas cenas de sexo oral, veio nossa primeira metida. Na primeira enfiei meu caralho até a metade de sua bucetinha. Ela gemia feito louca. Pensei que ela estava tendo um troço, mas era tesão mesmo, trocamos a posição, coloquei ela por cima de mim, e qual foi minha surpresa, quando entrou o marido dela. Ela havia deixado a porta aberta. Como ela estava naquela posição (por cima de mim), o marido, no maior tesão, veio e encaixou o pau no seu cuzinho, era sua primeira dp. A danada (me confessou depois), havia deixado a porta aberta de propósito, para que o marido participasse de nossas “festinhas”. A partir dessa data rolou de tudo, inclusive dp vaginal, essa foi demais, ela ficou com a buceta toda arregaçada (do jeito que eu gosto de ver).
Outra ocasião ela nos chupou no banho ate que os dois (marido e eu) esporrarassem. Engoliu toda nossa esporra. Foi DE-LI-CI-O-SO.
Para finalizar, estou de pau duro de tantas lembranças gostosas, e estou indo para o banheiro bater AQUELA PUNHETA para minha deliciosa vizinha!

domingo, 25 de agosto de 2013

Não sei porquê, mas todos me pedem
para comê-la, a gatacasadaquerver.